SEJA BEM VINDO



SEJA BEM VINDO



SEJA BEM VINDO



SEJA BEM VINDO



O Segredo do Polvilho


O Segredo do Polvilho

Vamos começar pelo começo… O polvilho é resultado da decantação do caldo prensado da massa da mandioca.

Na verdade estamos falando do amido de mandioca que também é conhecido como fécula de mandioca ou POLVILHO DOCE. O amido fermentado é chamado do POLVILHO AZEDO (esses amidos possuem acidez diferente).

Pode ser utilizado por celíacos (pois não contem glúten) e por possuir um sabor neutro pode ser utilizado em diferentes produtos sem alteração de sabor como: balas, cremes, tortas, biscoitos, geleias, mortadelas e linguiças e o famoso PÃO DE QUEIJO!

A grande diferença entre o doce e o azedo é que o POLVILHO DOCE é utilizado como espessante (engrossar), ou seja, é ele que da a sensação de “puxa-puxa” nos alimentos em que é utilizado. Já o POLVILHO AZEDO tem a propriedade de expansão sem agentes levedantes (fermentos) o que faz com que os alimentos tenham volume e sejam crocantes.

Outra curiosidade. A palavra Polvilho tem origem da palavra Polvilhar (encher de pó) que por sua vez é uma alusão a palavra POLVO que significa PÓ em Espanhol.

 






Compartilhar: